Senta que lá vem resenha: Livro Nove Regras a Ignorar Antes de se Apaixonar.

sábado, junho 03, 2017


Livro: Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar (Os Números do Amor #1)
Autora: Sarah MacLean
Páginas: 384
Série: Sim
Editora: Arqueiro
Tema: Romance de época

Sinopse:
A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.

E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para

cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.

Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.

Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.




Devo confessar que ainda estou aos suspiros com esse livro. Não poderia ter sido mais perfeito!

Nele vamos conhecer Lady Calpúrnia Hartwell, uma romântica incurável, que teve sua vida mudada após conhecer o libertino Marquês de Ralston.

OK aqui você já deve estar pensando: "nossa que história mais clichê!" Mas eu lhe digo que está redondamente enganado! Sabe por quê? Porque esse encontro fora dez anos antes, no primeiro baile após a jovem debutar.

"E, com isso, partiu, desaparecendo no labirinto e deixando-a com um sorriso bobo no rosto. Calli não pensou duas vezes antes de segui-lo, tão entusiasmada estava para ficar perto dele. Naquele momento, o teria seguido a qualquer lugar, aquele príncipe entre os homens que prestara atenção nela, não em seu dote ou em seu vestio horroroso, mas nela!"

Já imaginou que louco seria ser apaixonada por um cara por dez anos e mesmo após uma conversa em um jardim uma única vez, ele nunca mais sequer lembrar de você? Foi isso que nossa Callie experimentou. Gabriel St. john a esqueceu completamente. Pudera, pois Lady Calpúrnia nunca foi uma mulher memorável, pelo contrário, ela é gordinha! Olha que fato mais intrigante e ao mesmo tempo interessante de ser mencionado em um livro desse gênero!

"O amor não é unilateral e egoísta. É pleno e generoso, e modifica a vida da melhor maneira possível. O amor não destrói, Gabriel. Ele cria."

Eu nunca imaginei encontrar uma personagem gordinha em romances de época, afinal, as moças da alta sociedade londrina são sempre lindas e elegantes! É por isso que Callie passara dez anos de sua vida tomando chá de cadeira em bailes e nunca fora cortejada de fato por algum cavalheiro interessante, somente caçadores de dotes e homens que tem idade para ser seu avó. É nesse momento que ela resolve que está na hora de mudar o rumo de sua vida tão passiva e imaculada! Ela faz uma lista com nove itens que pretende concluir porque acha que assim estará mais viva e já não tem mais nada a perder pois foi declarada como solteirona aos 28 anos.

Do outro lado, temos o charmosíssimo marquês que acaba de descobrir que sua mãe fugitiva destruiu outra família e assim Juliana Fiori cai de paraquedas na residência dos St. John, o que não parece ter sido uma decisão fácil para a moça e Gabriel, o marquês, tomado por um instinto fraterno, decide com seu irmão gêmeo, lorde Nicholas St. John, que irá fazer de tudo para que a jovem não queira regressar a Itália.

"Tinha total consciência de como era boba, sonhando com os protagonistas de seus livros. Era  um hábito terrível, e que ela escondia havia tempo demais."

Sem saber como integrar a irmã na sociedade e após a aparição estranha de Callie em seu quarto na calada da noite, Gabriel vê a oportunidade eminente e eis que os dois travam acordos e a história não poderia ficar mais saborosa e engraçada!



É hilário ver as confusões que Callie se mete devido a bendita lista e em como Gabriel está sempre por perto para ajudá-la. Pude me sentir em todos os cenários e ainda mais, senti tudo o que os personagens sentiram mesmo a narração sendo realizada em terceira pessoa, o que é de praxe.

Gabriel é um herói imperfeito, que após o abandono da mãe quando ele e Nick tinham apenas dez anos, jurou a si mesmo nunca ser vítima do amor, como se tal sentimento fosse culpado por toda tragédia que sua família passou.

"E se pudesse ter outra história que não o arremedo sóbrio e chato de vida que possuía agora? E se pudesse fazer todas as coisas que já sonhara? O que a impedia de dar esse salto?"

Enquanto que Callie cresceu em uma família amorosa, onde os pais eram loucamente apaixonados um pelo outro e como se não bastasse, a menina tem um apetite voraz por romances o que a fazia sonhar demais, inclusive comparando o próprio marquês a inúmeros personagens fictícios.

Além da paixão que sempre viveu nela e que demora a se apoderar dele, podemos contar com momentos divertidíssimos na qual dei boas (e altas!) risadas. O casal além de ter química, também acabam manchando suas reputações em situações escandalosas. Callie se descobre uma mulher fascinante com a ajuda dessa lista e fica cada vez mais difícil de Gabriel tentar resistir a moça, o tornando seu cúmplice em todas as aventuras mais inimagináveis. Temos aqui, senhoras e senhores, um exemplo claro de feminilidade e uma mulher a frente de seu tempo.

"Ela nunca havia sorrido tão abertamente para Gabriel. E, se o fizesse, ele certamente não reagiria como o barão, o tolo, afastando-se dela. Não. Se algum dia Callie olhasse para ele daquele jeito, ele a tomaria nos braços e a beijaria até ela perder os sentidos."

Há a presença dos irmãos de ambos e uma forte chamada para a família o que achei muito singelo da parte da autora, tirando o foco do casal em potencial para falar a respeito de outros aspectos importantes também.

E o final? Eu posso dizer que não poderia ser mais imprevisível apesar de romances de época serem um pouco clichês.

Gostei especialmente de Callie, pois em muitos momentos me vi como ela, querendo avidamente viver uma aventura para me sentir viva.

"Mas ele a chamara de linda. Suspirou mais uma vez, puxando as pernas para cima do banco e repassando o momento de novo e de novo na cabeça. Fora exatamente tão maravilhoso quanto havia imaginado que seria - o lindo e maravilhoso marquês de Ralston, o homem por quem havia sido apaixonada por mais de uma década, finalmente havia prestado atenção nela. Mais que isso, tinha dito que era linda."

Mal posso esperar para ler a continuação, pois gostei imensamente da história.


"Nunca fora o forte e calado Ulisses, o indiferente Darcy, nem Marco Antônio, poderoso e apaixonado. Sempre fora só Gabriel, arrogante, falho e completamente de carne e osso."


Resenha dos outros livros da série:





You Might Also Like

28 comentários

  1. Ei Camila!
    Eu acho essa capa linda e depois da sua resenha fiquei ainda mais ansiosa pra ler.
    Eu não sou muito fã de romance de época, mas tô tentando ler pra variar um pouco.
    E eu amo que tenha um pouco de comédia no livro, fica bem mais leve.

    E suas fotos ficaram lindas e sua resenha muito bem feita.

    Beijos!
    Literatura Estrangeira

    ResponderExcluir
  2. Vc jura que não é previsível o final??? hahaha adorei!
    Realmente temos sempre figuras esguias como referência, mas adorei a personagem mais gordinha e determinada, provando que tem muito a oferecer, pq vale muito!
    Me diverti com sua resenha :D
    Bjo

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Já vi que é um dos gêneros que vc gosta haha, pela sua resenha fiquei bastante curiosa pra ler ele tb. Até pq esse livro eu tenho visto bastante gente lendo e falando que gostou ... Estou me apaixonando pelos romances de época e sua resenha me fez colocar mais um livro na minha whishlist ^^

    ResponderExcluir
  4. Oii Camila.
    Eu amo romances de época. Em romances são meus favoritos e esse acabou de entrar para lista.
    A premissa do livro de uma garota não aos padrões da alta sociedade se apaixonar por um bonitão em seu primeiro baile eu já vi e me lembrou bastante Os Segredos de Colin Bridgerton.
    Agora as nove regras a ignorar????
    Preciso desse livro para ontem.
    Beijos.

    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  5. Um dos meus gêneros literário favorito é romance de época, amo esse gênero. Esse livro parece ser super engraçado é fofo ao mesmo tempo. Esse livro está na minha meta de leitura, mas eu nunca leio. Quem sabe agora eu leia

    ResponderExcluir
  6. Olá!!

    Pode até serem meio clichês, mas eu adoro um romance de época, não dispenso não.
    Adorei que esse traz uma mocinha gordinha, algo diferente mesmo e eu fiquei curiosa já.
    Fico imaginando o que seria se apaixonar por uma pessoa que nem se lembra de você.
    Vai pra minha lista com certeza!

    bjs
    Fernanda
    http://condutaliteraria.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Cami!
    Menina, fiquei louca por esse livro. As características da Callie me fez lembrar da personagem do livro "O jogo do vencedor"(algo assim, kkk). Amo personagens que fogem às regras e quebram padrões, e ainda mais no contexto dessa época, já que a sociedade era demasiado conservadora. Isso instiga o leitor ainda mais. Fiquei suspirando pelo marquês aqui, kkkk. Heróis como ele são os melhores ❤ E esse aspecto de família que a obra traz, é normal mesmo nesses romances de época; era o foco da sociedade e os autores sempre trazem ao livro, o que é maravilhoso. 💕😍❤
    Beijoooos

    ResponderExcluir
  8. Olá, Camiii! Quando você disse que iria ler esse livro, fiquei feliz, pois está na minha meta e eu estava sem espaço pra acrescentá-lo. Eu amo romances de época, como voce sabe, e adorei saber que o livro é divertido! Amooooo histórias assim, com humor leve e romance! Creio que irei amar. Otima resenha, parabens!
    Beijos, Yasmim.

    Blog: http://literarte.blog.br
    Insta: instagram.com/blogliterarte/

    ResponderExcluir
  9. Eu não sou nem um pouco fã de romance de época, mas já me apaixonei por Callie e Gabriel. Com certeza vai pra minha wishlist 😊

    ResponderExcluir
  10. Heey!
    Eu nunca li romance de epoca, ce acredita? Preciso mudar isso. Conheci esse livro ano passado e achei bem interessante (e engraçado pelo titulo). Gostei bastante dessa personagem Callie, vou deixar na lista de desejados no skoob. Abraços.
    http://diarioleitorblog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Oii Camii
    Características bem diferentes para um romance de época né ? Talvez seja isso que tenha me deixado tão doida para ler!! E depois de sua resenha tão magnífica e detalhista, fiquei super interessada! Parabéns, um beijo

    ResponderExcluir
  12. Oi Camila,

    Essa capa é maravilhosa! Estou dando um tempo de romances de época mas todos os meses surgem milhares de novos romances e com plots tão maravilhosos que me dá vontade de ler todos, esse é um deles. Dica anotada, assim que eu voltar a ler esse gênero, vou pegar! bjos
    Jordana S Carneiro

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Já li tantos romances de época que esgotei! hahaha
    Apesar que minha ultima leitura foi um romance de época, tenho opiniões adversas sobre os atuais romances...
    Vou deixar anotado sua dica. quem sabe um futuro eu recomece por ele.
    Abs
    Nizete
    Cia do Leitor

    ResponderExcluir
  14. Olá, cada vez mais me apaixoni pelos romances de época e minha lista só aumenta rs pelo que percebi pelas suas impressões o livro parece encantador e pelo fato de não ser previsível me interessou. Vejo muitos comentários sobre essa série, vou anotar pra conferir, adorei as fotos, lindas lindas 😘😘

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Nossa como amei esse post, sou louca para ler esse livro, mas sempre fico em dúvida, comprei o e-book a um bom tempo e ainda assim não inicia a leitura, mas agora acho que enfim lerei.
    Parabéns por sua resenha , ficou sensacional.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    Todos falam que o primeiro livro é o melhor de toda a trilogia. Confesso que só li o segundo e amei. Quero muito ler esse livro e conhecer esse casal lindo. Amo romance de época e não posso deixar de ter esse livro na minha estante.
    Adorei a sua resenha.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir
  17. Comprei esse livro pois li boas resenhas dele. A protagonista, muito jovem e moderna para sua época mostrou como a história é gostosa e o romance acontece naturalmente ♥ Queria muito ter um Gabriel na minha vida.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  18. Callie!!! ❤ Ela é uma das personagens de romance de época que eu mais gosto. Claro, dessa série da Sarah MacLean, acabei me apaixonando por Juliana também. Continue lendo, vale muito a pena!
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  19. Oiii Camila tudo bem?
    Eu acho a coisinha mais linda essa capa menina, aos poucos estou começando a ler romances de época, gostei de saber a sua opinião e achei a história até um tanto envolvente, dica anotada para quem sabe ser uma futura leitura.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  20. Olá,
    Já faz algum tempo que quero fazer a leitura da obra pelo fato de ver muitas resenhas bem positivas e também por gostar bastante de romances de época. Uma lady e um libertino juntos tenho certeza que a leitura é bem divertida.
    Callie parece ser uma personagem cativante e estou curiosa para conferir as confusões que se mete e como Gabriel a ajuda, já que está sempre ao seu lado!

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  21. Oii, tudo bem?
    Esse livro parece ser um amor! Estou louca pra conhecer esses dois, que parecem se meter em várias confusões, haha. Adorei essa personalidade da Callie, parece ser incrível. Apesar de não curtir clichês, adoraria ler essa trilogia.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  22. Olá!! :)

    Eu já ouvi falar bastante deste livro mas confesso que não estou muito curioso pelo género..! Mas gostei da resenha!!

    Acho ótimo que os momentos e sentimentos causados sejam diversos, conseguindo-se partes de paixao e outras bem divertidas!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  23. Eu preciso ler essa serie de romances históricos dessa autora. Sempre ouço falar bem!

    ResponderExcluir
  24. Olá, olha,essa história me surpreendeu. Adorei a premissa e os personagens me chamara atenção, isso tornou a trama bem inovadora, principalmente por ser um romance de época. Vou anotar a dica, pois quer conhecer essa história. Bjs

    ResponderExcluir
  25. Oi,
    Nunca li nada da outro, mas tenho grande curiosidade.
    Dica anotada.
    Beijos

    ResponderExcluir
  26. Oi Camila, sou apaixonada por esta série, e adorei as confusões da Callie, principalmente a primeira, que deu o pontapé inicial em tudo.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  27. já tinha ouvido falar do livro mas como nao aprecio romance de época nunca bateu vibe pra ler... legal que o desfecho foge do padrão clichê que estamos acostumados a ver em histórias do tipo...
    bjs...

    ResponderExcluir
  28. Oi, Camila!
    Olha, esse livro já estava na minha lista pela sinopse, mas agora fiquei ainda mais curiosa, principalmente porque você disse que o final te surpreendeu, afinal, geralmente esse tipo de romance (e não que eu não goste!), são um tanto previsíveis.
    E que fotos lindas que acompanham a resenha! Fiquei apaixonada!

    Beeijos!
    Universo Tácito

    ResponderExcluir